TAPE JUNK

O regresso de Tape Junk às edições discográficas em 2019 aconteceu no formato cassete e em todas as plataformas digitais. Os nove temas do álbum foram gravados e misturados em casa por João Correia, entre Janeiro de 2016 e Setembro de 2018.
“Couch Pop” foi escrito sem pressas, fora do ambiente urbano e as músicas estiveram em constante mutação mesmo até ao dia do começo das misturas. Os instrumentos foram todos registados pelo mentor da banda que contou apenas com a participação de António Vasconcelos Dias (Tape Junk, Benjamim, Golden Slumbers) nos sintetizadores. Harry Nilsson, Sly and The Family Stone, Shuggie Ottis e Paul McCartney foram alguns dos nomes que acompanharam o músico no período de criação do terceiro trabalho de originais.
Para além de Tape Junk - que editou “The Good & The Mean” e um disco homónimo - João Correia fundou os Julie & The Carjackers e os They’re Heading West. Actualmente é baterista de várias bandas independentes, entre as quais Benjamim e Bruno Pernadas.
“Couch Pop” é uma edição Pataca Discos e chegou às lojas em Março de 2019. "Cranberry and Thyme" e “General Population” foram os primeiros singles de apresentação deste terceiro trabalho de originais. Ao vivo, João Correia conta com António Vasconcelos Dias, Benjamim, Frankie Chavez e Nuno Lucas.

João Correia voz e guitarra
António Vasconcelos Dias bateria
Benjamim teclados
Frankie Chavez guitarra eléctrica
Nuno Lucas baixo

Créditos Fotografias:
Cláudia Manuel Silva


LINKS
Youtube

APRESENTAÇÕES

Histórico

2020
29 AGO / Verão no Centro Histórico, Covilhã